dançando ao ritmo do despadaçar

agosto 19, 2008 at 5:51 am 2 comentários

Choro. Sem lágrimas. Vazio. O silencio é tao grande que se eu prestar atençao consigo até ouvir o barulho do meu coraçao caindo aos pedaços. Em um piscar d olhos posso sentir que ele está em migalhas… feito resto de pão. Minha alma fica dormente. Dormindo, gostaria q isso fosse sonho… pesadelo.
Gostaria que eu não te amasse tanto. Porque te amando eu esqueci d me amar.. assim como vc tbm esqueceu. Me amo mais qndo t amo menos. Mas ainda t amo. Pena vc nao saber amar. Uma pena. Teria sido perfeito. Mas nao posso amar por dois. Espero q um dia vc descubra oq eh amar d verdade, pq no amor naum há orgulho, naum ha egoismo, nao ha disputa, nao ha joguinhos, nao ha barreiras, nao há estrategias… é amor… naum é guerra.

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized. Tags: .

A desconfiança, longe de ser um vício, é uma virtude The Power Of Good Bye

2 Comentários Add your own

  • 1. Augusto Branco  |  setembro 18, 2008 às 1:16 pm

    Autor do texto “Já perdoei erros quase imperdoáveis…”

    Escrevi este texto em 2006 e postei ele pelo orkut para alguns amigos, com uma frase de
    Charles Chaplin no final do texto. Eu não costumo assinar as coisas que eu escrevo, mas sempre menciono o autor de textos e frases que envio.

    Daí, uma grande confusão aconteceu. Algumas pessoas passaram a pensar que o texto todo era do Chaplin, e hoje é possível encontrar este texto em vários sites na internet sendo atribuído ao Mestre, coisa que constatei apenas nesta semana, após ver o texto no profile de uma nova amiga minha. Aliás, tenho uma amiga chamada Vanessa Mafra que é jornalista em Porto Velho, Rondônia, que possui este texto impresso em uma agenda que dei pra ela de presente a dois anos atrás na qual estão reunidos alguns aforismos que escrevi.

    Com todo o respeito e carinho aos fãs deste texto, Chaplin escreveria de modo mais belo e melhor do que eu…rs

    Um grande abraço a todos

    Responder
  • 2. priscilademoraes  |  outubro 27, 2008 às 9:03 pm

    Você deixou um comentário no meu post “El demônios del éden”, é terrível mesmo, e mais terrível ainda é que aconteceu de verdade e foi pior, e mais terrível ainda se é que é possível, e eu acredito que possa ser, é que isso acontece diariamente e muito provavelmente em proporções maiores e com indivíduos que talvez não superem.
    Paz

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

agosto 2008
S T Q Q S S D
« set   abr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: